domingo, 7 de julho de 2013

Os Três Caminhos

Aprendi que são três viagens ou três caminhos a considerar nesse mundo, e estes já nos foram passados há tempos quando foi dito: Eu sou o CAMINHO, a VERDADE e a VIDA. 

O PRIMEIRO CAMINHO é quando nos conectamos no Amor Universal.
O SEGUNDO é quando ascendemos a LUZ DOURADA na mente. 

O TERCEIRO é quando recebemos a ILUMINAÇÃO ou o BATISMO vindo do céu. 

Foto: Os Três Caminhos

Aprendi que são três viagens ou três caminhos a considerar nesse mundo, e estes já nos foram passados há tempos quando foi dito: Eu sou o CAMINHO, a VERDADE e a VIDA. 

O PRIMEIRO CAMINHO é quando nos conectamos no Amor Universal. 
O SEGUNDO é quando ascendemos a LUZ DOURADA na mente.  O TERCEIRO é quando recebemos a ILUMINAÇÃO ou o BATISMO vindo do céu.  

No primeiro caminho quando sentimos o Amor Universal, participamos e conhecemos a essência PERFEITA DEUS, só quem passou por tal experiência possui a capacidade de comparação sendo capaz de enxergar as imperfeições existentes nos ensinos existentes no mundo. Só quem sentiu a Perfeição possui em si a capacidade de entregar-se a Perfeição Pai, sem receios, medos e tornam-se verdadeiramente livres. 

No segundo caminho ascendemos a Luz Dourada na nossa mente. Passamos a ter uma visão integral e enxergamos o lado bom dos fatos, ou das pessoas por que passamos a possuir a capacidade de enxergar além do alcance da visão imperfeita. É como se antes estivéssemos num quarto escuro e conhecêssemos os objetos apalpando-os. Depois do ascender é como se uma janela desse quarto escuro fosse aberta e passássemos a enxergar os objetos na sua inteireza, com suas cores, seu formato perfeito, enfim enxergasse a totalidade que antes não víamos. 

O terceiro caminho é quando alcançamos à iluminação e as células do nosso corpo físico são transmutadas, elevadas e só ai comungamos quando desejamos unos ao Amor Universal. A nossa realidade se transforma para sempre. Eu quase recebi o batismo vindo do céu, ou a iluminação, mas por desconhecer que tal possibilidade era destinada a todas as criaturas terrenas no momento que sentissem o Amor Universal, eu perdi tal oportunidade...


No primeiro caminho quando sentimos o Amor Universal, participamos e conhecemos a essência PERFEITA DEUS, só quem passou por tal experiência possui a capacidade de comparação sendo capaz de enxergar as imperfeições existentes nos ensinos existentes no mundo. Só quem sentiu a Perfeição possui em si a capacidade de explicar a Perfeição Pai, sem receios, medos e tornam-se verdadeiramente livres. O problema é explicar aos demais sobre os tantos ensinos que nos chegam, pois no mundo muitas  pessoas seguem enganos e os novos ensinos soam como agressões ante o que acreditam. Por isso Jesus disse que veio trazer a espada, e muitos anjos seguram uma espada, tudo como simbologia claro, por que a verdade por vezes fere.

No segundo caminho ascendemos a Luz Dourada na nossa mente. Passamos a ter uma visão integral e enxergamos o lado bom dos fatos, ou das pessoas por que passamos a possuir a capacidade de enxergar além do alcance da visão imperfeita. É como se antes estivéssemos num quarto escuro e conhecêssemos os objetos apalpando-os. Depois do ascender é como se uma janela desse quarto escuro fosse aberta e passássemos a enxergar os objetos na sua inteireza, com suas cores, seu formato perfeito, enfim enxergasse a totalidade que antes não víamos.

O terceiro caminho é quando alcançamos à Iluminação e as células do nosso corpo físico são transmutadas, elevadas e só ai comungamos quando desejamos unos ao Amor Universal. A nossa realidade se transforma para sempre. Eu quase recebi o batismo vindo do céu, ou a Iluminação, mas por desconhecer que tal possibilidade era destinada a todas as criaturas terrenas no momento que sentissem o Amor Universal, eu perdi tal oportunidade...


Paz, Luz

Sônia Duarte

Nenhum comentário:

Postar um comentário